O que fazer depois de ter sido despedido

O que fazer depois de ter sido despedido

Do original What to do after you’ve been fired. By John P. Strelecky. February 14, 2011, 4:49 AM PST.

Traduzido e adaptado por Ademar Felipe Fey em 20/02/2011.

Leve em conta: O autor e orador motivacional John P. Strelecky oferece alguns conselhos sobre o que fazer se você foi demitido.

John P. Strelecky sabe o que é ser despedido. Foi o que aconteceu com ele durante a última crise econômica. Essa experiência o lançou em um caminho completamente novo em que ele inspirou milhões de pessoas a viver a vida em seus termos. Ele foi homenageado ao lado de Oprah Winfrey, Wayne Dyer e Deepak Chopra como um dos cem mais inspiradores líderes de pensamento no campo da liderança e desenvolvimento pessoal.

João é o autor do best seller motivacional # 1, “The Why Café” e ele é bom o suficiente para oferecer este post convidado sobre o que fazer depois de ter sido demitido:

Você pode ter visto o desemprego chegando ou ele ter sido uma grande surpresa, mas a verdade permanece – perder o seu emprego não foi sua escolha. O que acontece depois, é. Você pode chafurdar na miséria e receber o seguro desemprego nas próximas 99 semanas, ou fazer ser demitido a melhor coisa que já aconteceu com você.

Por que isto não é tão ruim

Um estudo recente constatou que apenas 45 por cento dos americanos estão satisfeitos com seu trabalho atual. Esse foi o menor nível já registrado pelo grupo de pesquisa Conference Board em mais de 22 anos estudando o assunto. Infelizmente, isso também explica por que tantas pessoas estão obtendo o desemprego. Não é que os empregos não existem, é que algumas pessoas preferem receber o pagamento para não fazer nada, do que fazer algo que odeia por 40 horas a cada semana.

O que fazer agora
Se você encontrar-se nos nove por cento dos americanos que estão desempregados, não se desespere. Você ainda pode voltar ao jogo e fazer realmente ser demitido a melhor coisa que já aconteceu com você. Aqui está o que você pode fazer agora:

• Faça algo que você goste. A maioria das pessoas não percebe que ao invés de gastar tempo e dinheiro para ficarem imersas nas coisas que elas amam, elas podem receber o pagamento para ficarem imersas em tais itens. E esse é o caso, se você quer trabalhar em vendas, atendimento a clientes, contabilidade, marketing ou qualquer outra posição.
• Assim como eles dão amostras grátis na mercearia, esperando que você vá gostar e voltar para comprar mais, candidatos a emprego devem fazer a mesma coisa. Encontrar maneiras de dar amostras do valor que você pode trazer para o local ou setor em que deseja trabalhar. Voluntários para meio dia ou um dia por semana no setor que deseja trabalhar. Escrever artigos sobre o tema, ou um blog sobre isso. Dê, dê, dê. E se você dá valor suficiente, alguém vai dar de volta para você, na forma de uma oferta de emprego. • É incrível como muitas pessoas pensam que preencher um formulário ou enviar um currículo e carta de apresentação constitui uma candidatura a um emprego. Isso não é mais suficiente! Concentre o foco em como você pode melhorar a lucratividade da empresa. Se você está se candadatando para um trabalho de $ 60.000 por ano, você tem que trazer pelo menos $ 60.001 em grandes idéias e resultados para a mesa, ou não há nenhuma razão para alguém contratá-lo. Obviamente, o valor deve ser um muito mais do que apenas um dólar. Esse valor precisa ser refletido no que você reverter para uma empresa quando se candidatar a um emprego.
• Se você não está satisfeito com o tipo de trabalho que estava fazendo anteriormente, obtendo um trabalho no mesmo campo não vai satisfazê-lo agora ou no futuro!. Use esse tempo vago para se expor a situações diferentes que vão ajudar você a descobrir seu propósito de existir. Se torne voluntário, ande com sua mochila ao redor do mundo, leia livros sobre temas que lhe interessam. Faça o que puder para experimentar coisas novas, de modo que quando você escolher o seu próximo trabalho, você se sentirá como se estivesse demitido para estar lá todos os dias.

Só você pode deixar isso acontecer
Nosso sistema educacional está falido, a economia está estagnada e o desemprego ainda é elevado. Você pode ter tido aulas com as quais você não se importou e entrou para um campo que não lhe satisfaça. É uma pena que essa é a maneira como as coisas são, mas essa é a realidade. E agora você tem uma escolha.

Se você estiver nos nove por cento das pessoas que não estão trabalhando, é hora de descobrir o que você quer fazer, encontrar uma maneira de fazê-lo, e trazer toneladas de valor para a mesa. Ninguém está vindo para o seu resgate, então você deve construir seu próprio navio e assumir o controle de sua vida.

Despedi-lo foi a escolha deles. O que você faz depois é escolha sua. Se você fizer isso direito, tornar-se desempregado pode ser a melhor coisa que já aconteceu com você. Eles escolheram antes, agora você pode escolher.

Disponível em: http://www.techrepublic.com/blog/career/what-to-do-after-youve-been-fired/2814?tag=nl.e124

Acesso em: 20/02/2010.

Traduzido e adaptado por Ademar Felipe Fey em 20/02/2011.

Sobre ademarfey

Professor de TI aposentado. Escritor na área de Redes de Computadores e Telecomunicações. Também pesquisa a Imigração Alemã no Brasil desde 2017.
Esse post foi publicado em Carreira e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s